quinta-feira, 2 de julho de 2015


Ainda espero pela mensagem que nunca vou receber. Ainda espero que voltes, que voltes porque é essa a tua vontade. Se não for ... Não voltes. Não me magoes.

4 comentários: