sexta-feira, 26 de junho de 2015


« Não implores amor. Nem por um segundo. Nunca. Não peças algo que tem que ser dado de boa vontade. Não pechinches por um sentimento que tem que vir sincero. Tudo o que acontece de forma natural, acontece melhor. Sabes aquela vontade cada vez maior de falar com alguém? Aquela vontade incessante de saber mais sobre aquela pessoa, de estar mais com ela, de ter mais dela. E ter isso de volta. Sem forçar ou insistir. A atração simplesmente acontece. As coisas fluem. É natural. Não vale a pena forçar uma situação que nitidamente não é para ser. Tudo o que é colocado sob pressão só encontra um resultado: explosão. Então pressionar alguém a estar contigo é burrice. Forçar alguém a amar-te é idiota e perda de tempo, não vai acontecer. O único resultado disso é decepção e mágoa. Em ti e no outro. E isso aplica-se às pessoas que tu acabaste de conhecer e a relacionamentos curtos e longos. O máximo que tu podes fazer é dar motivos para que alguém goste de ti. É seres uma ótima companhia, um ótimo companheiro. Melhor, sê quem tu gostarias de estar junto! Sê aquela pessoa inteligente, bem humorada e que tem a conversa interessante. Sê aquela pessoa do abraço bom, aquela pessoa carinhosa que ilumina a sala. Sê aquela pessoa que ninguém quer sair de perto. O melhor que tu podes fazer é dar motivos para que alguém fique. Porque mesmo que a pessoa vá… ela volta. Volta porque quis. Porque tu a fizeste voltar. Sem pressão, sem pedir. »

3 comentários:

  1. Uau, adorei *_*


    r: começei a seguir-te ...

    ResponderEliminar
  2. o amor, o amor.. há textos que dizem tudo, tudo o que nós sabemos que deve ser feito mas que não o fazemos. mega beijinho princesa*

    ResponderEliminar